Engenharia Informática

PROVA DE INGRESSO

A seguinte prova:

  • 16-Matemática

A licenciatura em Engenharia Informática tem como objectivo a formação inicial Engenheiros Informáticos. Este tipo de profissional deve manifestar um vasto conhecimento sobre Sistemas e Tecnologias de Informação, as suas potencialidades, limitações e vantagens comparativas. Sabendo tirar o melhor partido das tecnologias informáticas e, mediante a sua integração, deve ter as competências necessárias para construir soluções de elevada qualidade e funcionalidade.

O Engenheiro Informático é um técnico de elevada especialização, profundo conhecedor dos mais pequenos detalhes da estrutura de suporte tecnológico à Sociedade da Informação. Possui o domínio das ferramentas e tecnologias de construção de Sistemas de Informação (SI) e a capacidade de integração das diferentes peças do edifício informático e de dimensionamento da sua infra-estrutura. Possui excelentes conhecimentos de Tecnologias de Informação e da perspectiva de construção de soluções integradas e integradoras.

A constante evolução das tecnologias de suporte aos SI, e das possibilidades aportadas por essa evolução, determinam que a formação em Engenharia Informática privilegie a formação em ambientes distribuídos e seus suportes, nomeadamente redes e sistemas distribuídos, linguagens e ambientes de desenvolvimento.

O Engenheiro Informático é um elemento essencial ao planeamento e desenvolvimento de infra-estruturas de SI e de Tecnologias de Informação, se a sua concretização exige a harmoniosa interligação de diferentes fontes de informação e diferentes sistemas de suporte. É por excelência o estratega das soluções integradas de SI.

O Engenheiro Informático necessita adquirir vasto conhecimento sobre Sistemas e Tecnologias de Informação, suas potencialidades, limitações e vantagens comparativas. Necessita de saber tirar o melhor partido de cada tecnologia e, mediante a sua integração, construir soluções de elevada qualidade e funcionalidade. A Sociedade da Informação dos nossos dias exige um conhecimento profundo de soluções técnicas adequadas à construção de soluções globais, distribuídas e de fácil disseminação. O conhecimento de redes e das tecnologias da Internet são fundamentais. O conhecimento de gestão e administração de sistemas distribuídos e das questões de segurança são também essenciais.

Exige-se a um Engenheiro Informático competências na análise, planeamento e implementação de soluções integradas e integradoras, de avaliação de custos e benefícios das diferentes possibilidades de desenvolvimento de soluções. Na perspectiva superior de liderança e comunicação, bem como de flexibilidade e autonomia, as competências de gestão de projectos e equipas são essenciais. O Engenheiro Informático necessita de se adaptar em permanência à evolução das suas ferramentas de trabalho, das mentalidades e das exigências de negócio.

D.R. Acreditado pela A3ES, em 26/08/2014.

Acreditação

Os Engenheiros Informáticos beneficiam da inscrição directa como Engenheiro Técnico na ANET.

Do seu relatório salientamos os seguintes pontos:

  • Adequada componente prática do curso, através do número de aulas teórico-práticas e de trabalhos experimentais.
  • Do estudo da documentação do processo submetido à ANET pela Escola é, ainda, visível um curso bem organizado adequado às necessidades para a aquisição de competências e conhecimentos para a prática dos actos de engenharia estabelecidos pela ANET.

Parcerias

Para além de outros protocolos, o Departamento de Ciências e Tecnologias tem as seguintes parcerias:

  1. Departamento de Oceanografia e Pescas da Universidade dos Açores (DOP/UAç)
  2. Estrutura de Missão para a Extensão da Plataforma Continental (EMEPC)
  3. YDreams
  4. MSDN: Microsoft Development, MSDN Subscriptions, Resources, and More (Portugal)
  5. CISCO SYSTEMS, INC
  6. SUN Systems
  7. SYBASE
  8. ORACLE
  9. POWER DATA
  10. COMPUTER ASSOCIATES
  11. SAS Business Analytics and Business Intelligence Software

    Plano Curricular

    1. Introdução
    2. Bases de Numeração, Aritmética Binária e Sistemas de codificação
    3. Conceitos básicos: Portas lógicas; Álgebra de Boole; Simplificação de Expressões Booleanas; Diagramas de Karnaugh
    4. Lógica combinatória: Somadores e Subtractores; Multiplicadores; Descodificadores e Codificadores; Multiplexadores
    5. Lógica Sequencial: Latches e Flip-flops; Registos e Contadores
    6. Máquinas de Estados Finitos
    7. Memória e Armazenamento

    1. Fundamentos: Lógica proposicional; lógica de predicados; regras de inferência; algoritmos e complexidade
    2. Teoria de Grafos: Introdução, terminologia, classificação e tipos especiais; isomorfismo; caminhos de Euler e Hamiltonianos; problemas de caminho mais curto; árvores
    3. Inteiros e Criptografia: Aritmética modular e divisibilidade; primos e máximo divisor comum; resolução de congruências; aplicações à criptografia

    Fornecer aos alunos uma formação básica em Análise Matemática. Conferir competências ao nível das técnicas de cálculo.

    Análise completa de funções reais de variável real. Cálculo integral. Estudo de sucessões e séries.

    A Análise Matemática tem como principal objetivo a aquisição, pelos discentes, de capacidades e competências ao nível das técnicas de cálculo. É dado particular ênfase à análise real e ao estudo de sucessões e séries.

    Definem-se os seguintes objetivos específicos:

    1. Dominar o estudo de funções reais
    2. Conhecer e aplicar métodos de integração e sua aplicação a problemas reais
    3. Estudar sucessões numéricas
    4. Conhecer alguns tipos de séries numéricas

    1. Introdução aos computadores e à programação: parte histórica e técnica.
    2. Modelos Imperativo, Funcional, Lógico, Orientado por Objectos e Paralelo. Linguagens de Programação. Noções de Algoritmo e Programa. Noção de Variável.
    3. Algoritmia. Fluxogramas, Pseudocódigo e linguagem algorítmica EXEL.
    4. Atribuição e Selecção. Programação Directa.
    5. Ciclos. Programação Iterativa.
    6. Introdução à Linguagem C: Estrutura, Vocabulário, Regras de escrita de programas em C, variáveis e funções.
    7. Vectores e Matrizes.
    8. Linguagem C: Bibliotecas. Tipos de dados. Operadores e expressões. Instruções. Operações de I/O. Instruções de selecção: if; switch. Instruções de repetição: while; do; for. Instruções de interrupção: break; continue. Strings (como vectores de caracteres). Funções. Conversão de tipos. Operadores * e &. Estruturas; Array de estruturas. Ficheiros texto e binários.
    9. Introdução ao Visual Studio da plataforma .NET com a utilização de C, incluída no C++.
    10. Programação Recursiva.

    1. Bases de Dados e Modelação
    2. Modelação conceptual: modelo ER
    3. Modelação lógica: modelo relacional
    4. Linguagem de Consulta Estruturada
    5. Linguagem SQL
    6. Restrições de Integridade e Segurança
    7. Restrições de Integridade (cont.): Triggers
    8. Normalização – Desenho de Bases de Dados
    9. Transacções e Concorrência
    10. Recuperação de Dados

    No seguimento da UC precedente, pretende-se:

    1. Generalizar o estudo de funções de variável real a funções com mais do que uma variável, desenvolvendo os métodos de representação e de visualização no espaço tridimensional;
    2. Estender a teoria do cálculo diferencial em R a funções com mais de uma variável, com vista à optimização dessas funções;
    3. Desenvolver as técnicas de integração em dimensões superiores a 1, com especial ênfase ao cálculo de volumes, áreas e aos teoremas de Stokes e de Gauss, fundamentais ao estudo do electromagnetismo;
    4. Iniciar o estudo da Álgebra Linear através de matrizes e do algoritmo clássico para resolução de sistemas de equações lineares;
    Desenvolver o estudo abstracto dos espaços e transformações lineares, e estudar a aplicação da Álgebra Linear à resolução de sistemas de equações diferenciais lineares.

    1. Introdução: Arquitectura de um sistema computacional; Sistemas Operativos Objectivos; Classificação de sistemas; Estrutura dos SO’s
    2. Gestão de processos: Processos; Threads; Escalonamento do CPU; Comunicação entre processos (IPCs); Sincronização entre processos
    3. Sistemas de ficheiros e Entrada/Saída
    4. Gestão de memória: Memória principal: paginação, segmentação; Memória virtual

    Física
    6 ECTS

    1. Matemática da Física
      • Grandezas físicas
      • Vectores
      • Ordens de magnitude
      • Gráficos
    2. Mecânica clássica
      • Movimento linear e circular
      • Leis de Newton
      • Leis de conservação do momento linear e angular
      • Energia cinética e potencial
    3. Termodinâmica
      • Temperatura, calor e energia
      • Mudança de estado
      • Gases ideais
      • Leis da termodinâmica
    4. Oscilações e Ondas
      • Ondas mecânicas e ondas electromagnéticas
      • Reflexão e refracção
      • Difracção e interferência
      • Ressonância
    5. Electricidade e magnetismo
      • Campo e potencial eléctrico: Lei de Coulomb
      • Corrente eléctrica e resistência
      • Campo magnético e Lei de Gauss
      • Indução electromagnética: Lei de Faraday e de Lenz

    1. Noções básicas sobre codificação de informação: Sistemas de numeração, conversão de bases; aritmética nas bases 2, 8 e 16; Representação de inteiros negativos em complemento para 2; Códigos numéricos e alfanuméricos;
    2. Circuitos básicos do hardware de um computador: Circuitos combinatórios: circuitos aritméticos, portas de terceiro-estado, memória ROM (Read-Only Memory); Circuitos sequenciais: registos e memória RAM (Random Access Memory);
    3. Computadores, microprocessadores e programação em Assembly: Arquitecturas de Harvard e de Von Neumann; Unidade Central de Processamento; estrutura interna; Conjunto de instruções; Microprocessadores CISC (Complete Instruction Set Computer) e RISC (Reduced Instruction Set Computer); Ciclo Busca-Execução; Modos de endereçamento; estruturas da programação procedimental; estruturas da programação procedimental: Subrotinas. O ponteiro de pilha; Interrupções e DMA (Direct Memory Access); organização da memória e dos periféricos num computador.

    • Introdução ao C#. Introdução à Programação Orientada por Objectos.
    • C#: Classes, Atributos, Métodos e Construtores; Classes Abstractas; Objectos e sua instanciação; Propriedades.
    • C#: Classes base: Object, String, Collections. Genéricos. Ficheiros e Streams. Ficheiros texto e binários. Serialização de Objectos.
    • Algoritmos e Estruturas de dados. Dados e Algoritmos. Complexidade dos Algoritmos. Resolução de um Problema e escolha do Algoritmo.
    • Algoritmos de Ordenação e sua análise:” Bublle-sort”, “Selection-sort”, “Insertion-sort”, “Merge-sort” e “Quick-sort”; Implementação em C#.
    • Listas. C#: Queue e Stack.
    • Procura Sequencial e Binária, algoritmos e sua análise. Implementação em C#.
    • Mapas e Tabelas de dispersão (Dicionários e Hash-tables). Classes em C#.
    • Árvores. Árvores BST. Operações. Implementação em C#. Árvores AVL.Operações Implementação em C#.
    • Grafos. Definições. Operações. Representação de grafos: matriz de adjacência e lista de adjacência. Algoritmos: Depth-first search, Breadth-first search, Minimum spanning tree, Shorted path. C#: Implementação em C#.

    • Estatística descritiva
    • Noções básicas de probabilidades
    • Variáveis aleatórias e distribuições discretas
    • Variáveis aleatórias e distribuições contínuas
    • Estimação
    • Testes de hipóteses

    1. Modelo de referência OSI: Arquitetura em camadas. Principais componentes.
    2. Introdução às redes de dados: Evolução da rede telefónica. Arquitetura física e lógica das redes.
    3. Conceitos básicos de transmissão: Sistema de transmissão. Modulação e codificação de sinais.
    4. Camada Física: Meios de transmissão. Evolução das normas Ethernet. Cablagem estruturada. Integração de voz e dados.
    5. Camada de Ligação de Dados: Objetivos e serviços oferecidos. Delimitação de tramas, controlo de erros e fluxo.
    6. Redes Ethernet: Mecanismo de acesso ao meio. Camadas física e lógica. Bridges e switches. Cablagem estruturada.
    7. Redes e Anel: Mecanismo de acesso ao meio. Camadas física e lógica. Cablagem estruturada.
    8. Camada de Rede: Comutação de circuitos e de pacotes. Internet Protocol. Internetworking. Configuração de routers.
    9. Camadas de Transporte e Aplicação da arquitetura protocolar de comunicações TCP/IP: Objectivos e serviços oferecidos. Protocolos mais importantes.

    • A linguagem Java: características específicas da linguagem. Introdução à sintaxe Java. Activação de métodos;
    • Programação orientada a objectos: Conceito de Classes, encapsulamento, visibilidade de atributos e métodos: modificadores e regras;
    • Estrutura de uma Classe: atributos, construtores, métodos (da instância – não static e da classe –static);
    • Criação de packages e utilização dos packages do Java;
    • O conceito de overload de construtores e métodos e quais as respectivas vantagens;
    • Herança simples e múltiplas: estrutura de um interface e vantagens de utilização;
    • O conceito de override e da instrução super;
    • Polimorfismo;
    • As instruções do Java para controlo de erros recuperáveis: try, catch, finally, throw e throws;
    • Bibliotecas de manipulação de ficheiros. Necessidade do interface Serializable;
    • O Java e as bases de dados: JDBC;
    • Bibliotecas de criação de ambientes gráficos (GUI): O Swing;
    • Diagrama de classes em UML.

    1. Modelação matemática e resolução de problemas de Engenharia: Desenvolvimento de modelos matemáticos; Computadores e Softwares; Aproximações e erros de arredondamento. Algarismos significativos. Exactidão e precisão. Definições de erros. Erros de arredondamento;
    2. Erros de truncatura e séries de Taylor – Diferenciação Numérica; Séries de Taylor. Utilização da série de Taylor para estimar os erros de truncatura; Diferenciação numérica; Erros de propagação;
    3. Raízes de equações; Métodos de enquadramento; Métodos abertos;
    4. Sistemas de equações não-lineares;
    5. Raízes de equações polinomiais;
    6. Ajustamento de funções. Regressão pelos mínimos quadrados;
    7. Interpolação polinomial;
    8. Integração numérica.

    1. Desenvolvimento de Aplicações com SGBDs
      • Arquitecturas, Técnicas de Desenvolvimento;
      • Implementação de Pesquisas, Navegação, Validações, etc.;
      • Questões de segurança.
    2. Conceitos avançados de Gestão de Bases de Dados
      • Armazenamento de Dados;
      • Estruturas de armazenamento de Dados;
      • Indexação e “Tuning” de Sistemas de Base de Dados;
      • Bases de Dados Distribuídas e sistemas recentes de armazenamento de dados.

    1. Programação Linear
      • Formalização de problemas de programação linear;
      • Método Simplex;
      • Métodos Dual e Primal-Dual Simplex;
      • Método Simplex Revisto;
      • Dualidade e Aplicações à Engenharia;
      • Análise de Sensibilidade.
    2. Problema de Transporte.
    3. Problema de Afetação.

    1. realização de exercícios práticos, participação nas aulas ou demonstração de empenho no acompanhamento da UC;
    2. realização de exercícios práticos e trabalhos escritos realizados na plataforma de elearning da UAL;
    3. realização de dois testes ao longo do semestre;
    4. apresentação de um trabalho oral com base num webquest realizado pelo aluno.

    • Revisão do paradigma da programação orientada a objectos;
    • Programação Concorrencial: desenvolvimento de aplicações multi concorrências. Cuidados a ter com a gestão de recursos partilhados. Dead locks;
    • Programação Funcional: expressões e funções. Estratégias de avaliações. Lambda;
    • Programação Orientada a Aspectos: definição de aspecto. Crosscutting. Componente responsável pela centralização de código comum (Weaver);
    • Programação Baseada em Componentes: criação e gestão de componentes. Diferentes formas de criação de componentes (Singleton, Prototype, etc…). Relacionamento de componentes. Inversion of
      Control;
    • Programação Lógica: teoria da unificação. Modelo computacional. Prolog;

    1. Arquiteturas: OSI e TCP/IP. Protocolos associados.
    2. Endereçamento, resolução de nomes, encaminhamento, DNS, endereçamento VLSM.
    3. Equipamentos para interligação de redes. Endereçamento IP.
    4. Cablagens: topologias e meios de transmissão.
    5. Redes PPP.
    6. Redes SDH e SONET.
    7. Redes MPLS.
    8. Tecnologias de redes.
    9. Cablagem estruturada.
    10. Disponibilidade de um equipamento. MTBF, MTTF e MTTR.
    11. Conceitos de Projeto de Rede Estruturada.
    12. A análise e definição de requisitos funcionais e técnicos.
    13. Elaboração de planeamento.
    14. Execução do projeto, plano de instalação e provas/testes de aceitação em fábrica e on-site.

    Objetivos:

    1. Dar a compreender a Engenharia de Software, as suas áreas de intervenção, as metodologias de desenvolvimento de software e a sua evolução histórica;
    2. Apresentar as fases de um projecto de desenvolvimento de sistemas de informação;
    3. Mostrar a importância da utilização de técnicas de modelação;
    4. Explicar o contexto e a importância de novas abordagens no desenvolvimento de sistemas de informação, nomeadamente Model Driven Development, padrões de análise e de desenho e abordagens ágeis;
    5. Mostrar a importância da utilização de diversas ferramentas de apoio ao desenvolvimento, e saber identificar quais as áreas em que as mesmas se revelam mais relevantes.

    Competências:

    1. Ser capaz de explicar os problemas do âmbito da Engenharia de Software e as soluções adequadas;
    2. Poder identificar requisitos de um sistema de informação, utilizar técnicas correctas de elicitação e de gestão de requisitos;
    3. Capacidade de utilizar as técnicas de modelação da linguagem UML.

    1. Decisão: processo e informação de apoio
    2. Sistema de apoio à decisão: características, tipologia
    3. Data Warehouses: características, motivações, Data Marts, metadados
    4. Data Mining: metodologias, técnicas, utilizações
    5. OLAP: arquitetura, operações, tipologia de drill
    6. Business Intelligence
    7. Customer Relationship Management (CRM)

    Teoria:

    • Tecnologia de Negócio Eletrónico: Infraestrutura, evolução da internet e suas características, intranets
    • Limitações da internet, futuro da internet, web, motores de busca, fóruns e chats
    • Mecanismos de N.E., infraestrutura e ferramentas; locais de mercado eletrónicos
    • Catálogos eletrónicos, motores de busca e shopping carts, leilões e negociações online, ferramentas de software social, futuro da web
      Retalho no negócio eletrónico: a indústria do retalho, modelos de negócio em e-tailing, temas comuns, indústrias de serviço
    • Negócio Eletrónico tipo B2B: definição, cadeia de fornecimento eletrónica, procurement e comércio colaborativo
    • Sistemas inovadores: conteúdo online e media, e-government, e-learning, C2C
    • Marketing e Publicidade em N.E.: consumidores online, estratégias e ferramentas
    • Métodos de publicidade online, web analytics, CRM, marketing local, móvel e social, personalização e market research
    • Questões políticas, éticas e sociais em N.E.: dilemas, direitos de informação e privacidade, proteção legal e de propriedade intelectual
    • Pagamentos, segurança e fraude em N.E.: ameaças, proteção de servidores e clientes, desenvolvimento de um sistema de segurança, sistemas de pagamentos, bitcoin
    • Desenvolvimento de um projeto de N.E.: modelos e conceitos de negócio em N.E. – sites web, sites móveis e apps, estratégia organizacional
    • Implementação de um projeto de N.E. e justificação do investimento

    Prática:

    1. HTML5 [revisão conceitos]
      • Elementos, atributos, headings, comentários, parágrafos
      • Formatação de texto, links, head, estilos, imagens
      • Tabelas, listas, layouts
      • Formulários e inputs
    2. Python
      • Introdução e instalação e configuração
      • Tipos de dados, variáveis, constantes, operadores
      • Estruturas de controlo
      • Funções
      • Funcionalidades básicas
      • Classes e objectos (nível introdutório)
      • Bases de dados MySql
      • Autenticação de utilizadores
      • Cookies e as sessões
      • Implementação de um projeto de N.E.
    3. MySQL [revisão dos conceitos dados em u.c.anterior]
    4. Desenvolvimento de um projeto prático em Python/MySQL

    1. Introdução e Conceitos Gerais
      • Conceitos de Projecto, Programa e Portefólio
      • Conceito de Gestão de Projectos
      • Metodologias de Gestão de Projectos
      • Ciclo de Vida do Projecto
      • Ciclo de Vida da Gestão do Projecto
    2. Grupos de Processos dos Projectos
      • Iniciação
      • Planeamento
      • Execução
      • Controlo e Encerramento
    3. Áreas de Conhecimento Chave da Gestão de Projectos
      • Gestão do Âmbito
      • Gestão do Custo
      • Gestão do Tempo
      • Gestão da Integração
    4. Áreas de Conhecimento de Suporte à Gestão de Projectos
      • Gestão do Risco
      • Gestão de Compras
      • Gestão da Qualidade
      • Gestão da Comunicação
      • Gestão de Recursos Humanos
    5. Elaboração do Planeamento e Estimação de Custos
      • Definição do âmbito e início do planeamento
      • Estimação da duração e sequenciamento das actividades
      • Método PERT
      • Planeamento de Recursos
      • Estimação de Custos
    6. Controlo do Projecto com Earned Value Management
      • Variação do custo e do plano
      • Índices de desempenho do custo e do plano
      • Estimativas de custos para finalização de um projecto
      • Análise comparativa de projectos
      • Análise gráfica das variações dos índices e do desempenho de um projecto

    • Introdução aos sistemas distribuídos: definição, factores de desenvolvimento, vantagens, dificuldades, ferramentas de distribuição;
    • Modelo de comunicação distribuída: arquitectura, components, semânticas de envio, recepção e modelo de faltas;
    • Modelo cliente/servidor: RPC;
    • Modelo P2P: SOCKETS;
    • Modelo de objectos distribuídos: CORBA;
    • Sistemas de nomeação: propriedades dos nomes, arquitectura do sistema;
    • Segurança em sistemas distribuídos: introdução, criptografia, serviços de autenticação e autorização, assinatura digital;
    • Sistemas de ficheiros distribuídos: modelo, problemas, arquitectura. Casos de estudo – NFS e AFS.

    • Representação paramétrica e implícita de curvas e superfícies. Tipos de interpolação;
    • Algoritmos raster;
    • Introdução ao processamento de imagem;
    • Tópicos de álgebra, nomeadamente: transformações 2D e 3D, espaços vectoriais, espaços afim. Transformações de coordenadas;
    • Visualização: projecções ortográfica e projectiva, espaço projectivo;
    • Modelos de iluminação local. Métodos de sombreamento;
    • Introdução ao OpenGL; introdução ao uso de GPU para cálculo;
    • Ray-tracing: algoritmo elementar; intersecções do raio com os objectos; sombras, reflexão, refracção; técnicas de optimização;
    • Mapeamento de texturas: casos 2D e 3D; modelos de tesselação;
    • Animação em computador;
    • Pipeline gráfico;
    • Luz, cor e percepção;
    • Modelos de iluminação global; modelos de reflexão.

    1. Tomada de decisões para resolução de problemas
      • Resolução de problemas, agentes inteligentes.
      • Resolução de problemas por procura em espaço de estados: procura não informada, informada, e com heurísticas.
      • Problemas de satisfação de restrições: procura com retrocesso, procura local, estrutura de problemas.
      • Representação do conhecimento e inferência em ambientes determinísticos.
    2. Aprendizagem
      • Aprendizagem indutiva. Indução em árvores de decisão. Programas lógicos.
      • Aprendizagem com base em instâncias.
      • Aprendizagem estatística.
      • Redes neuronais.

    1. Fundamentos de Sistemas Distribuídos
      • Modelos de Sistemas
      • Middleware
      • Segurança
      • Tolerância a falhas
    2. Clusters de computadores
      • Paralelismo e arquitetura MPP
      • Princípios de desenho
      • Gestão de recursos
    3. Máquinas virtuais
      • Níveis de virtualização
      • Ferramentas e mecanismos
      • Clusters virtuais
      • Gestão de recursos
      • Data-centers
    4. Cloud Computing
      • Modelos de serviços
      • Data-centers e redes de interligação
      • Desenho arquitetónico
      • Plataformas públicas
    5. Service-Oriented Architecture
      • Descoberta, registos, metadados e bases de dados
      • Workflow
    6. Computação ubíqua
      • Conceitos e tecnologias
      • Internet of Things

    1. Como realizar Projectos,Trabalhos Académicos e Científicos, Relatórios e Dissertações: Pesquisa e tratamento de Informação; Estrutura do Trabalho; Realização de uma Bibliografia.
    2. Apresentação de propostas de Projectos propostos pelos docentes, alguns dos quais alinhados com as áreas de investigação em curso ou em colaboração com Empresas ou outras organizações, em particular a própria UAL.
    3. Aprovação dos Projectos a realizar por cada Grupo de alunos.
    4. Realização dos Projectos pelos Grupos de alunos, uma vez aprovados pelos docentes, com acompanhamento pelos respectivos docentes orientadores.

    1. Segurança em sistemas de informação distribuídos
    2. Atributos e serviços de segurança
    3. Tipos de ataques e medidas protetivas
    4. Guerra da informação
    5. Criminalidade informática
    6. Ciberterrorismo
    7. Espionagem comercial
    8. Engenharia social e manipulação
    9. Contratualização eletrónica
    10. Fragilidades nos sistemas operativos
    11. Cracking e engenharia inversa de aplicações
    12. Instalação segura de software
    13. Desenvolvimento seguro de aplicações
    14. Política de Segurança, e sua implementação com procedimentos, mecanismos e tecnologia
    15. Criptografia simétrica e assimétrica
    16. Assinatura e certificado digital
    17. Infraestrutura de Chave Pública
    18. Protocolos criptográficos: DES, 3DES, AES, Diffie-Hellman, RSA, PGP, IPsec, SSL/TLS
    19. Configuração de filtragem de pacotes e de NAT em routers Cisco usando o Cisco IOS (amplo uso do simulador Packet Tracer)
    20. Análise, quantificação e gestão do risco. Medidas mitigadoras
    21. Testes de Segurança (injeção de ataques e análise estática). Auditoria e Planos de Contingência. O ciclo da segurança da informação
    22. Enquadramento legal da segurança da informação

    1. Gestão de sistemas em equipamento CISCO, no complemento ao CCNA3
      • DNS
      • DHCP
      • Cisco Discovery Protocol (CDP)
      • IPv6
      • VLANs
      • VLAN Trunking Protocol (VTP)
    2. Paradigmas gerais de sistemas
      • Protocolos de gestão de redes
      • Serviços de diretório
      • Serviços de contratação
      • Governança IT
      • Norma ITIL e Cobit
    3. Sistemas de backup