Aula aberta “Aspectos de Geoeconomia e Segurança Humana na organização das redes de cooperação numa pequena comunidade da Amazónia brasileira” | 19 de Junho | 20h30 | Auditório 1

Brígida Brito
Coordenadora Científica da licenciatura em Relações Internacionais, OBSERVARE

Duarcides Mariosa
Pós-Doc do OBSERVARE e investigador do projecto “Respostas às Alterações Climáticas (ReAC)”

 

Resumo:
As estratégias de desenvolvimento local e sustentável sugerem que há por parte dos agentes económicos e das agências internacionais uma preocupação cada vez mais intensa com as potenciais fontes de conflito. Pessoas pobres, sem emprego e sem esperança, tomadas pelo desespero ou continuamente exploradas, são as que costumam estar no epicentro das principais tensões nas mais diversas partes do mundo. Entende-se, no entanto, que mais do que levar ajuda humanitária, construir muros ou sustar de forma violenta as correntes migratórias, é preferível e aconselhável adotar medidas que as evitem. Afinal, pessoas e comunidades empoderadas economicamente tornam-se mais resilientes às demais vulnerabilidades e, se organizadas na forma de redes de cooperação solidária, com maiores chances de enfrentar os desafios que individualmente não poderiam suportar.
Tendo como eixo condutor das reflexões o estudo de caso dos empreendedores económicos de uma pequena comunidade no interior da Amazónia brasileira, aborda-se nesta conferência a contribuição e as dificuldades que a organização do trabalho em redes cooperativas trás para que as pessoas sejam mais autónomas e possam reduzir os riscos e vulnerabilidades advindas da precariedade da atividade económica a que estão, em diversas circunstâncias, destinadas.

Breve nota curricular:
Duarcides Ferreira Mariosa possui Graduação em Ciências Sociais, Especialização em Serviço Social e Gestão de Projetos Sociais, Mestrado e Doutorado em Sociologia e, atualmente, realiza pesquisa de Pós-doutorado pela Universidade Autónoma de Lisboa.
É professor titular dos cursos de graduação em Ciências Sociais da Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Brasil; pesquisador Integrado ao Centro de Investigação OBSERVARE da UAL e ao Grupo de Pesquisa Biotupé do INPA (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazónia); e consultor técnico da ADS – Agência de Desenvolvimento Solidário para projetos de Economia Solidária da Secretaria Nacional de Economia Solidária do Ministério do Trabalho e Emprego do Brasil.

 

 

Departamento de Relações Internacionais