Universidade Autónoma de Lisboa
EN
Above Content

Área do Candidato

Search

Pesquisa
Content
Área do Candidato
left side
Article / Section
Home > >

Transferência

Condições de Acesso

Quem pode candidatar-se?
Podem requerer a mudança para um par instituição/curso os estudantes que:
a) Tenham estado matriculados e inscritos noutro par instituição/curso e não o tenham concluído;
b) Tenham realizado os exames nacionais do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso fixadas para esse par, para esse ano, no âmbito do regime geral de acesso – os quais podem ter sido realizados em qualquer ano letivo;
c) Tenham, nesses exames, a classificação mínima exigida pela instituição de ensino superior, nesse ano, no âmbito do regime geral de acesso.

Este regime de mudança de par instituição/curso aplica-se igualmente aos estudantes que tenham estado matriculados e inscritos em instituição de ensino superior estrangeira em curso definido como superior pela legislação do país em causa, e não o tenham concluído.
Documentos Obrigatórios de Acesso
  • Certificado de habilitações do 10º/11º e 12º ano ou certificado de equivalência ao ensino secundário (aplicável para candidatos oriundos de estabelecimentos de ensino superior estrangeiro);
  • Documento comprovativo da realização dos exames nacionais do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso fixadas para a Universidade Autónoma no âmbito do regime geral de acesso e que neles ter obtido a classificação mínima de 9,5 valores. 
  • Documento comprovativo de matrícula e inscrição do estabelecimento de ensino superior em que esteve inscrito. 
  • Certificado de habilitações do ensino superior, com indicação das disciplinas em que obteve aproveitamento e respectivas classificações.
  • Programas e cargas horárias para o candidato que pretender solicitar creditação de competências académicas;
  • Escala de classificação utilizada no estabelecimento de origem, (aplicável para candidatos oriundos de estabelecimentos de ensino superior estrangeiro);
  • Fotocópia do Documento de Identificação;
  • Fotocópia do Cartão de Identificação Fiscal;
  • 1 Fotografia;

Observações: Os documentos apresentados pelos candidatos oriundos de estabelecimentos de ensino superior estrangeiro deverão ser devidamente assinados pelo Estabelecimento de Ensino e reconhecidos pela representação diplomática ou consular portuguesa existente nesse país e traduzidos por tradutor oficial.


IMPORTANTE - Portaria n.º 181-D/2015, de 19 de Junho veio aprovar um novo regime jurídico, Regulamento dos Regimes Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso de Mudança de Curso no Ensino Superior.
Este novo regulamento aplicar-se-á ao ingresso no ano lectivo 2016-2017, com excepção dos artigos 9.º a 13.º, 19.º e n.º 2 do artigo 20.º que já se aplicarão às candidaturas destinadas à matrícula e inscrição no ano lectivo 2015-2016.


left side